InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 REGRAS DA LUTA OLÍMPICA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
PIRATINHA
Usuário Heavyweight
Usuário Heavyweight


Mensagens : 442
Data de inscrição : 05/05/2008
Idade : 62

MensagemAssunto: REGRAS DA LUTA OLÍMPICA   Dom Jun 15, 2008 7:26 am

REGRAS DA LUTA OLÍMPICA

A quem se destina o Curso


Aos árbitros que já fizeram o curso, e hoje trabalham com a arbitragem no estado do Rio de janeiro, se faz obrigatória a participação, de modo a se reciclarem e ajudar a preparar um novo número de árbitros para que os anteriores possam ser elevados ao próximo nível, ou não.
Para os novos árbitros, que estarão ingressando no tapete olímpico, e possam demonstrar a sua capacidade de concentração e o discernimento na utilização das regras.

Técnicos e Atletas, também são bem vindos para que possam utilizar como base de treinamento as regras do esporte, podendo traçar estratégias de confronto.
Pessoas afins, pessoas que gostem do esporte e se interessam pelas regras e lutas.



Como se divide a Luta Olímpica (Estilos)


A luta olímpica esta dividida em 4(quatro) estilos: Livre, Greco-Romana, Feminino e o BeachWrestling.


Estilo Livre e Feminino


Como nos outros estilos o objetivo principal é encostar as escapulas (Costas) do adversário no chão por 3 (três) segundos, podendo utilizar o ataque nas pernas do adversário, ou utilizar suas pernas para derrubar o seu oponente.


Estilo Greco Romano


No estilo Greco romano, tem-se o mesmo objetivo, sendo que não pode atacar abaixo da linha da cintura do seu oponente, nem utilizar suas pernas para derrubar ou travar seu adversário.


Beach Wrestling


Pode atacar as pernas do adversário, sendo o objetivo principal, derrubar seu oponente, ou coloca-lo para fora do circulo na areia.



Suas categorias são:


Escolar 8, 9 e 10 anos.
Infantil 11, 12, 13, 14 e 15 anos.
Cadete 16 e 17 anos.
Junior 18,19 e 20 anos.
Sênior acima de 20 anos.
Master acima de 35 anos.



As divisões de peso são:


Escolar/Infantil
Cadetes
Junior
Sênior/Master

29-32 kg
39- 42 kg
46 – 50 kg
50 -55 kg

35 kg
46 kg
55 kg
60 kg

38 kg
50 kg
60 kg
66 kg

42 kg
54 kg
66 kg
74 kg

47 kg
58 kg
74 kg
84 kg

53 kg
63 kg
84 kg
96 kg

59 kg
69 kg
96 kg
96 – 120 kg

66 kg
76 kg
96 – 120 kg


73 kg
85 kg



73 – 85 kg
85 – 100 kg





Antes de se realizar o combate o primeiro atleta a ser chamado deverá se apresentar vestindo uma malha da cor vermelha (Básico) e o segundo lutador de malha azul, ou de cor diferente da primeira.



Duração do Combate



Escolar e Infantil – tempo livre (1 ou 2 minutos) dois rounds
Cadete/Junior e sênior Estilo Livre – três rounds de 2 minutos com 30 segundos de descanso.

Cadete/ Junior e sênior Estilo Greco-Romano – três rounds de 1 minuto com 2 tempos de 30 segundos para o clinchê (Totalizando 2 minutos de luta por round) e mais 30 segundos de descanso.

Beach Wrestling – 1 round de 2 (dois) ou 3(três) minutos



Área de luta


O combate é realizado em uma área em formato de quadrado com 12 metros de lado e com um círculo de 9 metros de diâmetro ao centro, assim divididos:







Área amarela com 7 metros de diâmetro, área vermelha 2 metros de largura, nos cantos são demarcados com as cores Azul e vermelho, local onde ficará o técnico do atleta. A área livre deverá ter em média 2 metros (escape), no centro do tapete tem um círculo de 1 metro de diâmetro, local de inicio e término da Luta.

O Calçado para a luta deve ser sem cravos (travas) e com sola de borracha, deve ser suficientemente firme e alto para suportar os tornozelos. É proibido o uso de tênis com solado de metal ou pregos, com fivela ou qualquer parte metálica.
Deve-se ter atenção especial com relação aos cadarços que devem ser cobertos com fita ou pelo próprio fechamento da sapatilha, pois não podem se desamarrar durante o combate e nem serem dotados de elementos metálicos ou rígidos que possam provocar ferimentos.
Dependendo do regulamento da competição em algumas categorias se é permitido lutar sem as sapatilhas, mas os competidores deverão lutar descalços.

Arbitragem

(Marcadores, anotadores (Placar/tempo)

Em todas as competições, o combate é dirigido por três árbitros: Chefe de tapete – árbitro central – Juiz lateral, tendo ainda a participação do Cronometrista e do marcador do placar que pode ser manual ou eletrônico.
Em cada mesa onde o Chefe de tapete está colocado, deve ter pelo menos um cronometrista e um marcador de placar. Essas pessoas poderão ser árbitros iniciantes, ou em caso extremo pessoas colaboradoras (staff).

São suas atribuições:

Chefe de tapete: Responsável pela luta, determina a validade da pontuação, confere e assina o boletim da luta.
Ele só se manifesta quando acontece algum problema. Somente ele pode solicitar a imagem da luta (fita de vídeo). Deve levantar a plaqueta de pontos confirmando ou não a pontuação dada em caso de discordância.

Arbitro Central: Autoridade máxima dentro da área de combate, cuja ordem os lutadores deve obedecer imediatamente. Não deve tolerar irregularidades e interferências externas.
Dirige o combate concedendo os pontos segundo as ações de ambos os lutadores. Para tal usa uma tarja (Bracelete) na cor vermelha no braço esquerdo e uma azul no braço direito. A pontuação para cada atleta é assinalada levantando-se claramente os dedos das mãos correspondentes à cor do atleta. Deve ser o mais discreto possível mantendo uma distância ideal de uns 2 metros dos competidores, e quando houver perigo de encostamento, este deve deixar claro para os outros árbitros e a platéia do perigo de encostamento e aguardar a confirmação de um dos árbitros (Chefe de tapete ou do Juiz lateral).

Juiz Lateral: Responsável pela confirmação ou não dos pontos dados pelo árbitro central, com ele ficam as plaquetas de pontuação 0, 1, 2, 3 ou 5 pontos nas cor vermelha e outro jogo com a cor azul. Alem disso fica responsável pela marcação de pontos na planilha de pontos, para ser confrontada após com o do chefe de tapete em caso de irregularidade. Sua responsabilidade é muito importante e este deve estar sempre atento para qualquer eventualidade que possa ocorrer e o árbitro central ou o chefe de tapete não ter prestado atenção.

Pontuação

MODIFICAÇÃO DAS REGRAS E SISTEMA DE COMPETIÇÃO DA LUTA


A FILA durante sua existência, modifica e adapta as regras tentando fazer a Luta mais atraente e interessante para o público e a mídia. Essas modificações são feitas para solucionar problemas observados e interpretados durante cada congresso.
Pela primeira vez modificações importantes foram submetidas ao congresso com o objetivo de modificar a imagem e o conteúdo da Luta.
Essas propostas foram resultado de uma grande consulta feita pela FILA. Fóruns de discussões foram organizados em cada continente, questões e propostas foram submetidas as Federações nacionais. A opinião de jornalistas, companhias de TV e todos aqueles que de alguma forma estão envolvidos com a Luta foram consultados.
Todas essas modificações foram testadas pelas Federações Nacionais e fazem parte de uma nova visão global do contexto da Luta. Essas são as razões pelas quais a FILA propõe a total aceitação, desde algumas emendas parciais que fizemos no passado, sem resolver problemas fundamentais.
Essas mudanças são realmente necessárias para modificar a imagem da Luta e são essenciais para que nosso esporte resista à pressão do Comitê Olímpico Internacional, em ordem de adaptar o programa Olímpico às solicitações dos patrocinadores que querem esportes mais atrativos, modernos e interessantes para os espectadores televisivos.


MODIFICAÇÕES DAS REGRAS


A. SISTEMA DE COMPETIÇÃO


1. Todas as competições de Luta serão realizadas no sistema de eliminatória direta, com repescagem para os perdedores dos lutadores classificados para a luta pelo primeiro e segundo lugares. A procura pelo numero perfeito no emparelhamento deve ser feita no inicio da competição, começando por baixo da chave. As lutas da repescagem começam com o lutador que perdeu na primeira rodada para um dos lutadores finalistas (incluindo-se as lutas pela busca do numero ideal) até o perdedor da luta semifinal, em linha direta. Os vencedores dos dois últimos combates da repescagem recebem cada um, a medalha de bronze.
2. Cada categoria se inicia e termina em um único dia. A pesagem de cada categoria se da no dia anterior ao inicio da competição da categoria em questão.


B. DURAÇÂO DOS COMBATES


1. 1.A duração das lutas é dividida em 3 períodos de 2 minutos cada com intervalos de 30 segundos. Ao final de cada período um vencedor deve, obrigatoriamente, ser declarado. O lutador que vence dois períodos é declarado o vencedor da luta. Se a vitória já puder ser declarada após dois períodos, o terceiro período é suprimido. O encostamento automaticamente termina o combate independente do período que ocorra.
2. No caso de empate em qualquer um dos períodos, o vencedor será determinado examinando-se os seguintes aspectos:
- O valor dos pontos técnicos
- Se o empate persiste, o ultimo ponto técnico feito determina o vencedor.


C. MODIFICAÇÃO NO SISTEMA DE PONTUAÇÃO.


1. O lutador que executa uma ação de grande amplitude (5 pontos) é declarado o vencedor do período, independente do escore no momento.
2. O lutador que executa duas ações de 3 pontos é declarado o vencedor do período, independente do escore no momento.
3. O lutador que alcançar uma diferença de 6 pontos técnicos é declarado o vencedor do período.
4. A cada vez que um lutador, na posição de pé, colocar um dos pés na área de proteção, seu oponente receberá 1 ponto técnico.
5. Toda fuga do tapete de uma pegada em pé ou par-terre em decúbito ventral será punido com 1 ponto ou em par-terre na posição de perigo será punido, com 2 pontos técnicos e uma falta (Caution).
6. Toda interrupção na luta por motivos médicos sem sangramento é punida com 1 ponto para o oponente (somente o médico poderá dizer se houve ou não contusão).
7. O ponto adicional pelo içamento do adversário do chão foi suprimido.
8. O ponto atribuído ao lutador que escapa da posição de par-terre do chão foi suprimido.
9. O comando para posição “par terre” após uma advertência (warning) ou passividade, foi suprimido.
10. O “rolê” e a “cruzeta” podem ser executados inúmeras vezes consecutivas.
11. A advertência (warning) por passividade foi suprimida para a posição de par-terre. mas continua valendo , fazendo o faltoso perder 1 ponto e recebe advertência na sumula .
12. No Estilo Livre em caso excepcional de um período terminar os 2 minutos com placar em 0 a 0, o Klinch será ordenado no fim dos 2 minutos regulamentares. O arbitro procederá com o sorteio para determinar que lutador fará a pegada primeiro. O Klinch tera a duração máxima de 30 segundos. A regra atual permanece na determinação do vencedor do Klinch. Se após 30 segundos, o lutador que pegou primeiro não executar uma ação, ele perderá 1 ponto.
13. Para a Greco-Romano, não há mais o KLINCH, No final de 1 minuto de luta , estando qualquer placar. e parado o combate, QUEM TIVER MAIS PONTO , faz a primeira pegada O lutador perdedor fica na posição par terre, o adversário faz a pegada chamada reversa e tem 30 segundos para fazer o ponto, no final dos 30 segundos a luta é parada e troca de posição com o outro fazendo a pegada e tem também 30 segundos para fazer o ponto, não conseguindo, o ponto vai para o adversário , SE NESTE MEIO TEMPO FIZER 6 PONTOS DE DIFERENÇA ou UMA QUEDA DE 5 PONTOS ACABA O ROUND, SE DER O TOUCHE ACABA A LUTA . Mas se no final de 1 minuto ou nos 30 segundos o lutador estiver em posição de perigo. a luta não é parada para se fazer a posição de par-terre
14. O Klinch Estilo Livre será feito de maneira diferente. O lutador que PERDEU o sorteio deve colocar as pernas em paralelo no centro do tapete e o que venceu no sorteio devera pegar a perna do oponente atrás do joelho com qualquer pegada, com a cabeça pelo lado de fora e no final de 30 segundos tem fazer um ponto, se não o fizer o ponto vai para o adversário e fim do round.
15. O tempo mínimo de recuperação entre lutas foi reduzido para 15 minutos para evitar longas interrupções no campeonato.


D. SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO


1. Com a introdução do sistema de eliminatória direta com repescagem, os lutadores em cada categoria serão classificados da seguinte maneira:
- Os perdedores das finais pelas medalhas de bronze serão colocados em 5° posto “ex aequo”.
- Para classificar os lutadores a partir do 7° posto, os pontos de classificação determinarão a colocação. No caso de empate nos ponto de classificação serão analisados os seguintes critérios:
1. Mais vitórias por encostamento.
2. Mais vitórias nas lutas por superioridade (2x0)
3. Mais vitórias nos períodos por superioridade (6 pontos de diferença)
4. Mais pontos técnico marcados durante toda a competição.
5. Menos pontos técnicos recebidos durante toda a competição.
- Se os lutadores não puderem ser classificados pelos critérios acima, eles serão declarados empatados “ex aequo”.
- Os lutadores participantes da repescagem também serão classificados de acordo com a pontuação durante toda a competição.


E. PONTOS DE CLASSIFICAÇÃO APÓS O COMBATE.


- Vitória por encostamento, WO, desclassificação, abandono ou ordem médica – 5pontos.
- Vitória por superioridade, – 4 pontos.
- Vitória por pontos – 3 pontos.
- Derrota com pontos técnicos marcados – 1 ponto.
OBS: Atleta que sofrer WO ou abandonar a competição sem autorização médica será desclassificado de todas as rodadas











Desenvolvido por Design Corp do Brasil - Internet High Technology
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.orkut.com.br/Home.aspx
japa/cwb
Usuário Heavyweight
Usuário Heavyweight


Mensagens : 74
Data de inscrição : 24/04/2008

MensagemAssunto: Re: REGRAS DA LUTA OLÍMPICA   Ter Jul 01, 2008 2:15 am

NUnca e demais saber sobre as regras sejam elas quais forem....
PIRATINHA escreveu:
REGRAS DA LUTA OLÍMPICA

A quem se destina o Curso


Aos árbitros que já fizeram o curso, e hoje trabalham com a arbitragem no estado do Rio de janeiro, se faz obrigatória a participação, de modo a se reciclarem e ajudar a preparar um novo número de árbitros para que os anteriores possam ser elevados ao próximo nível, ou não.
Para os novos árbitros, que estarão ingressando no tapete olímpico, e possam demonstrar a sua capacidade de concentração e o discernimento na utilização das regras.

Técnicos e Atletas, também são bem vindos para que possam utilizar como base de treinamento as regras do esporte, podendo traçar estratégias de confronto.
Pessoas afins, pessoas que gostem do esporte e se interessam pelas regras e lutas.



Como se divide a Luta Olímpica (Estilos)


A luta olímpica esta dividida em 4(quatro) estilos: Livre, Greco-Romana, Feminino e o BeachWrestling.


Estilo Livre e Feminino


Como nos outros estilos o objetivo principal é encostar as escapulas (Costas) do adversário no chão por 3 (três) segundos, podendo utilizar o ataque nas pernas do adversário, ou utilizar suas pernas para derrubar o seu oponente.


Estilo Greco Romano


No estilo Greco romano, tem-se o mesmo objetivo, sendo que não pode atacar abaixo da linha da cintura do seu oponente, nem utilizar suas pernas para derrubar ou travar seu adversário.


Beach Wrestling


Pode atacar as pernas do adversário, sendo o objetivo principal, derrubar seu oponente, ou coloca-lo para fora do circulo na areia.



Suas categorias são:


Escolar 8, 9 e 10 anos.
Infantil 11, 12, 13, 14 e 15 anos.
Cadete 16 e 17 anos.
Junior 18,19 e 20 anos.
Sênior acima de 20 anos.
Master acima de 35 anos.



As divisões de peso são:


Escolar/Infantil
Cadetes
Junior
Sênior/Master

29-32 kg
39- 42 kg
46 – 50 kg
50 -55 kg

35 kg
46 kg
55 kg
60 kg

38 kg
50 kg
60 kg
66 kg

42 kg
54 kg
66 kg
74 kg

47 kg
58 kg
74 kg
84 kg

53 kg
63 kg
84 kg
96 kg

59 kg
69 kg
96 kg
96 – 120 kg

66 kg
76 kg
96 – 120 kg


73 kg
85 kg



73 – 85 kg
85 – 100 kg





Antes de se realizar o combate o primeiro atleta a ser chamado deverá se apresentar vestindo uma malha da cor vermelha (Básico) e o segundo lutador de malha azul, ou de cor diferente da primeira.



Duração do Combate



Escolar e Infantil – tempo livre (1 ou 2 minutos) dois rounds
Cadete/Junior e sênior Estilo Livre – três rounds de 2 minutos com 30 segundos de descanso.

Cadete/ Junior e sênior Estilo Greco-Romano – três rounds de 1 minuto com 2 tempos de 30 segundos para o clinchê (Totalizando 2 minutos de luta por round) e mais 30 segundos de descanso.

Beach Wrestling – 1 round de 2 (dois) ou 3(três) minutos



Área de luta


O combate é realizado em uma área em formato de quadrado com 12 metros de lado e com um círculo de 9 metros de diâmetro ao centro, assim divididos:







Área amarela com 7 metros de diâmetro, área vermelha 2 metros de largura, nos cantos são demarcados com as cores Azul e vermelho, local onde ficará o técnico do atleta. A área livre deverá ter em média 2 metros (escape), no centro do tapete tem um círculo de 1 metro de diâmetro, local de inicio e término da Luta.

O Calçado para a luta deve ser sem cravos (travas) e com sola de borracha, deve ser suficientemente firme e alto para suportar os tornozelos. É proibido o uso de tênis com solado de metal ou pregos, com fivela ou qualquer parte metálica.
Deve-se ter atenção especial com relação aos cadarços que devem ser cobertos com fita ou pelo próprio fechamento da sapatilha, pois não podem se desamarrar durante o combate e nem serem dotados de elementos metálicos ou rígidos que possam provocar ferimentos.
Dependendo do regulamento da competição em algumas categorias se é permitido lutar sem as sapatilhas, mas os competidores deverão lutar descalços.

Arbitragem

(Marcadores, anotadores (Placar/tempo)

Em todas as competições, o combate é dirigido por três árbitros: Chefe de tapete – árbitro central – Juiz lateral, tendo ainda a participação do Cronometrista e do marcador do placar que pode ser manual ou eletrônico.
Em cada mesa onde o Chefe de tapete está colocado, deve ter pelo menos um cronometrista e um marcador de placar. Essas pessoas poderão ser árbitros iniciantes, ou em caso extremo pessoas colaboradoras (staff).

São suas atribuições:

Chefe de tapete: Responsável pela luta, determina a validade da pontuação, confere e assina o boletim da luta.
Ele só se manifesta quando acontece algum problema. Somente ele pode solicitar a imagem da luta (fita de vídeo). Deve levantar a plaqueta de pontos confirmando ou não a pontuação dada em caso de discordância.

Arbitro Central: Autoridade máxima dentro da área de combate, cuja ordem os lutadores deve obedecer imediatamente. Não deve tolerar irregularidades e interferências externas.
Dirige o combate concedendo os pontos segundo as ações de ambos os lutadores. Para tal usa uma tarja (Bracelete) na cor vermelha no braço esquerdo e uma azul no braço direito. A pontuação para cada atleta é assinalada levantando-se claramente os dedos das mãos correspondentes à cor do atleta. Deve ser o mais discreto possível mantendo uma distância ideal de uns 2 metros dos competidores, e quando houver perigo de encostamento, este deve deixar claro para os outros árbitros e a platéia do perigo de encostamento e aguardar a confirmação de um dos árbitros (Chefe de tapete ou do Juiz lateral).

Juiz Lateral: Responsável pela confirmação ou não dos pontos dados pelo árbitro central, com ele ficam as plaquetas de pontuação 0, 1, 2, 3 ou 5 pontos nas cor vermelha e outro jogo com a cor azul. Alem disso fica responsável pela marcação de pontos na planilha de pontos, para ser confrontada após com o do chefe de tapete em caso de irregularidade. Sua responsabilidade é muito importante e este deve estar sempre atento para qualquer eventualidade que possa ocorrer e o árbitro central ou o chefe de tapete não ter prestado atenção.

Pontuação

MODIFICAÇÃO DAS REGRAS E SISTEMA DE COMPETIÇÃO DA LUTA


A FILA durante sua existência, modifica e adapta as regras tentando fazer a Luta mais atraente e interessante para o público e a mídia. Essas modificações são feitas para solucionar problemas observados e interpretados durante cada congresso.
Pela primeira vez modificações importantes foram submetidas ao congresso com o objetivo de modificar a imagem e o conteúdo da Luta.
Essas propostas foram resultado de uma grande consulta feita pela FILA. Fóruns de discussões foram organizados em cada continente, questões e propostas foram submetidas as Federações nacionais. A opinião de jornalistas, companhias de TV e todos aqueles que de alguma forma estão envolvidos com a Luta foram consultados.
Todas essas modificações foram testadas pelas Federações Nacionais e fazem parte de uma nova visão global do contexto da Luta. Essas são as razões pelas quais a FILA propõe a total aceitação, desde algumas emendas parciais que fizemos no passado, sem resolver problemas fundamentais.
Essas mudanças são realmente necessárias para modificar a imagem da Luta e são essenciais para que nosso esporte resista à pressão do Comitê Olímpico Internacional, em ordem de adaptar o programa Olímpico às solicitações dos patrocinadores que querem esportes mais atrativos, modernos e interessantes para os espectadores televisivos.


MODIFICAÇÕES DAS REGRAS


A. SISTEMA DE COMPETIÇÃO


1. Todas as competições de Luta serão realizadas no sistema de eliminatória direta, com repescagem para os perdedores dos lutadores classificados para a luta pelo primeiro e segundo lugares. A procura pelo numero perfeito no emparelhamento deve ser feita no inicio da competição, começando por baixo da chave. As lutas da repescagem começam com o lutador que perdeu na primeira rodada para um dos lutadores finalistas (incluindo-se as lutas pela busca do numero ideal) até o perdedor da luta semifinal, em linha direta. Os vencedores dos dois últimos combates da repescagem recebem cada um, a medalha de bronze.
2. Cada categoria se inicia e termina em um único dia. A pesagem de cada categoria se da no dia anterior ao inicio da competição da categoria em questão.


B. DURAÇÂO DOS COMBATES


1. 1.A duração das lutas é dividida em 3 períodos de 2 minutos cada com intervalos de 30 segundos. Ao final de cada período um vencedor deve, obrigatoriamente, ser declarado. O lutador que vence dois períodos é declarado o vencedor da luta. Se a vitória já puder ser declarada após dois períodos, o terceiro período é suprimido. O encostamento automaticamente termina o combate independente do período que ocorra.
2. No caso de empate em qualquer um dos períodos, o vencedor será determinado examinando-se os seguintes aspectos:
- O valor dos pontos técnicos
- Se o empate persiste, o ultimo ponto técnico feito determina o vencedor.


C. MODIFICAÇÃO NO SISTEMA DE PONTUAÇÃO.


1. O lutador que executa uma ação de grande amplitude (5 pontos) é declarado o vencedor do período, independente do escore no momento.
2. O lutador que executa duas ações de 3 pontos é declarado o vencedor do período, independente do escore no momento.
3. O lutador que alcançar uma diferença de 6 pontos técnicos é declarado o vencedor do período.
4. A cada vez que um lutador, na posição de pé, colocar um dos pés na área de proteção, seu oponente receberá 1 ponto técnico.
5. Toda fuga do tapete de uma pegada em pé ou par-terre em decúbito ventral será punido com 1 ponto ou em par-terre na posição de perigo será punido, com 2 pontos técnicos e uma falta (Caution).
6. Toda interrupção na luta por motivos médicos sem sangramento é punida com 1 ponto para o oponente (somente o médico poderá dizer se houve ou não contusão).
7. O ponto adicional pelo içamento do adversário do chão foi suprimido.
8. O ponto atribuído ao lutador que escapa da posição de par-terre do chão foi suprimido.
9. O comando para posição “par terre” após uma advertência (warning) ou passividade, foi suprimido.
10. O “rolê” e a “cruzeta” podem ser executados inúmeras vezes consecutivas.
11. A advertência (warning) por passividade foi suprimida para a posição de par-terre. mas continua valendo , fazendo o faltoso perder 1 ponto e recebe advertência na sumula .
12. No Estilo Livre em caso excepcional de um período terminar os 2 minutos com placar em 0 a 0, o Klinch será ordenado no fim dos 2 minutos regulamentares. O arbitro procederá com o sorteio para determinar que lutador fará a pegada primeiro. O Klinch tera a duração máxima de 30 segundos. A regra atual permanece na determinação do vencedor do Klinch. Se após 30 segundos, o lutador que pegou primeiro não executar uma ação, ele perderá 1 ponto.
13. Para a Greco-Romano, não há mais o KLINCH, No final de 1 minuto de luta , estando qualquer placar. e parado o combate, QUEM TIVER MAIS PONTO , faz a primeira pegada O lutador perdedor fica na posição par terre, o adversário faz a pegada chamada reversa e tem 30 segundos para fazer o ponto, no final dos 30 segundos a luta é parada e troca de posição com o outro fazendo a pegada e tem também 30 segundos para fazer o ponto, não conseguindo, o ponto vai para o adversário , SE NESTE MEIO TEMPO FIZER 6 PONTOS DE DIFERENÇA ou UMA QUEDA DE 5 PONTOS ACABA O ROUND, SE DER O TOUCHE ACABA A LUTA . Mas se no final de 1 minuto ou nos 30 segundos o lutador estiver em posição de perigo. a luta não é parada para se fazer a posição de par-terre
14. O Klinch Estilo Livre será feito de maneira diferente. O lutador que PERDEU o sorteio deve colocar as pernas em paralelo no centro do tapete e o que venceu no sorteio devera pegar a perna do oponente atrás do joelho com qualquer pegada, com a cabeça pelo lado de fora e no final de 30 segundos tem fazer um ponto, se não o fizer o ponto vai para o adversário e fim do round.
15. O tempo mínimo de recuperação entre lutas foi reduzido para 15 minutos para evitar longas interrupções no campeonato.


D. SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO


1. Com a introdução do sistema de eliminatória direta com repescagem, os lutadores em cada categoria serão classificados da seguinte maneira:
- Os perdedores das finais pelas medalhas de bronze serão colocados em 5° posto “ex aequo”.
- Para classificar os lutadores a partir do 7° posto, os pontos de classificação determinarão a colocação. No caso de empate nos ponto de classificação serão analisados os seguintes critérios:
1. Mais vitórias por encostamento.
2. Mais vitórias nas lutas por superioridade (2x0)
3. Mais vitórias nos períodos por superioridade (6 pontos de diferença)
4. Mais pontos técnico marcados durante toda a competição.
5. Menos pontos técnicos recebidos durante toda a competição.
- Se os lutadores não puderem ser classificados pelos critérios acima, eles serão declarados empatados “ex aequo”.
- Os lutadores participantes da repescagem também serão classificados de acordo com a pontuação durante toda a competição.


E. PONTOS DE CLASSIFICAÇÃO APÓS O COMBATE.


- Vitória por encostamento, WO, desclassificação, abandono ou ordem médica – 5pontos.
- Vitória por superioridade, – 4 pontos.
- Vitória por pontos – 3 pontos.
- Derrota com pontos técnicos marcados – 1 ponto.
OBS: Atleta que sofrer WO ou abandonar a competição sem autorização médica será desclassificado de todas as rodadas











Desenvolvido por Design Corp do Brasil - Internet High Technology
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
REGRAS DA LUTA OLÍMPICA
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Regras da "Feira da Ladra"
» LUTA NO GEL - Sessão de Descarrego
» REGRAS PARA PARTICIPAÇÃO NO FÓRUM
» NOVAS REGRAS PARA RENOVAÇÃO DA CNH - FIQUEM ATENTOS
» REGRAS PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS NO FÓRUM

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Vale Tudo - MMA :: Wrestling, Jiu-Jitsu e Submission-
Ir para: