InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Entrevista com Pedro Rizzo, Fonte: Tatame

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
l7
Moderadores
Moderadores


Mensagens : 806
Data de inscrição : 30/05/2008
Idade : 32

MensagemAssunto: Entrevista com Pedro Rizzo, Fonte: Tatame   Sex Jun 20, 2008 4:52 pm

Considerado um dos maiores pesos pesados de todos os tempos no MMA, Pedro Rizzo passou por uma fase ruim e briga hoje para voltar a figurar entre os 10 melhores pesos-pesados do mundo. A chance de Pedro voltar ao topo será no dia 19 de julho, quando enfrentará o quarto do ranking mundial da categoria, Josh Barnett, no evento Affliction. Para isso, o atleta vem treinando pesado e recebeu na última semana a ajuda de seu mestre, Marco Ruas, que esteve no Brasil visitando a família e aproveitou para ajudá-lo no treinamento. Confira abaixo uma entrevista exclusiva com Pedro Rizzo, que fala sobre o seu treinamento e o que espera do novo evento americano.






O que espera da sua luta no Affliction?

Espero primeiro de tudo vencer... Estou esperando muito do evento, todo mundo está com luta dura, muita luta difícil. Estou treinando pra cacete para poder render bem dentro do ringue.

Qual será a sua tática contra o Josh Barnett?

Estou treinando tudo com uma boa equipe de treino como há muito tempo não tinha. Estou com 12, 13 pesos pesados, bons Wrestlers, bons de chão, trocadores... Estou bem balanceado nas três modalidades. O Josh é bem completinho, sei lá... Ele vai começar trocando em pé e depois vai embolar. Eu vou tentar tirar vantagem na trocação e, se formos pro chão, que eu já tenha colocado bons golpes. O Josh é bem versátil, sua parte em pé evoluiu muito e está bem afiado em pé. No Wrestling ele tem boas quedas e o chão dele todo mundo já conhece, tenta o leg-lock, e estou trabalhando muito nisso.

Você acha que, vencendo o Barnett, você volta ao Top 10 da categoria?

O Josh é o quarto do ranking e eu estou muito feliz. O que me motiva é poder competir com os melhores e o Josh é um dos melhores. Não sei se vai me levar para um Top 10, estou feliz só de competir com um top 10. Vou subir no ringue e fazer minha luta. Muita gente está dizendo que estou passando por uma fase ruim, falando que eu deveria parar... Estou treinando bastante e quem treina comigo e a minha família me apóia, e vou tentar. Vou lutar com o Josh e acho que, se ganhar dele, vou procurar ser um cara ainda mais competitivo.

Este é um novo evento nos EUA... O que você espera dele?

Eu espero que ele bombe. O evento está ótimo, já tem até outro marcado para outubro. Eu e a maioria dos outros atletas assinamos por três lutas. Espero que o público responda no pay-per-view e lote a arena para poder ter outros. Eles fizeram certo e botaram o melhor card do ano, os melhores atletas pesos pesados, só está de fora o Rodrigo (Minotauro), que está no UFC. Acho que é o melhor evento que vai ter no ano, eles estão jogando pesado, e espero que o jogo continue.

Como foram os treinamentos? O Marco Ruas veio especialmente para o Brasil treinar com você?

O Marco está indo embora... Ele veio visitar a família e ficou até surpreso, disse que estava preocupado com meus treinamentos e depois disse que eu estava com um staff muito bom, que nunca viu tanto peso pesado junto. Ele deu uma força no treino e fiquei até mais confiante. Está tudo ótimo, tudo certinho e estou tendo tempo legal pra treinar. Sei há quase dois meses quem seria meu adversário e está tudo correndo 100%, agora é conseguir colocar dentro do ringue tudo isso.

Quando você embarca?

Devo ir duas semanas antes porque lá está muito quente e o ar é muito mais seco que aqui. Vou ficar treinando lá pra me adaptar ao clima de Los Angeles, que é muito quente. Aqui estamos no inverno e tá mais fresco.

O que espera dos outros brasileiros no evento?

Quero que todo mundo vença (risos). Quero que o trem brasileiro todo vença. O primeiro a lutar vai ser o Vitor (Belfort), espero que ele ganhe. Depois será o Rogério (Minotouro), depois o (Renato) Babalu, o (Fábio) Negão e depois eu. Espero que todo mundo vença, pra mostrar que o Brasil é a maior potência do Vale-Tudo mundial.

O UFC quer colocar uma edição no mesmo dia do Affliction para tentar atrapalhar...

É, eu li a nota sobre isso hoje na TATAME... O UFC está incomodado, viu um card desses e viu que é um concorrente, e como toda grande empresa quer acabar com as concorrentes. Isso é ótimo para o esporte, ótimo para os atletas. O Affliction vendeu em uma ou duas semanas metade dos ingressos, e um evento que tem os atletas que ninguém vai querer perder. Acho que vai arrebentar. Não sei qual o card que o UFC quer botar, mas esse card está difícil de bater.

O que espera da luta entre Minotauro e Frank Mir?

Minotauro vence. A parte forte do Mir é a mais forte do Minotauro. O chão do Mir todo mundo fala que é o forte, mas o Minota é muito melhor. Eu não consigo ver o Mir vencendo o Rodrigo. Rodrigo tem Boxe, tem mais atitude, mais raça, busca mais a luta e o chão é melhor. A luta é para o Rodrigo, não só por ser brasileiro e amigo, mas por tudo que já fez no MMA. O Mir não vai ser problema pra ele não.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
l7
Moderadores
Moderadores


Mensagens : 806
Data de inscrição : 30/05/2008
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Entrevista com Pedro Rizzo, Fonte: Tatame   Sex Jun 20, 2008 9:45 pm

eu sou fã do pedro rizzo e hà muito tempo espero ver novas luas dele,estou na torcida para ele atroplelar bonito o barnett por que esse é o pedrão;regaça ele!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Entrevista com Pedro Rizzo, Fonte: Tatame
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Entrevista com Alexandre Garcia
» Feedback pedro mini
» Pedro Miranda em falta
» Parabens Pedro Marques Alves
» Regulador de tensão 12V 100A para fonte 220v => 12v

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Vale Tudo - MMA :: MMA-
Ir para: