InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Entrevista com Rodrigo Minotauro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
ays78
Usuário Heavyweight
Usuário Heavyweight


Mensagens : 180
Data de inscrição : 25/04/2008
Idade : 38
Localização : Curitiba

MensagemAssunto: Entrevista com Rodrigo Minotauro   Ter Jun 24, 2008 7:21 pm



VALE-TUDO - PUBLICADA EM 24/06/08 ÀS 12:04

Entrevista com Rodrigo Minotauro


Texto e foto - Carlos Eduardo Ozório
ceozorio@portaldaslutas.com

O Portal das Lutas completa um ano de vida nesta terça-feira (24 de junho) e não poderia deixar seus leitores na mão em uma data tão importante. Rodrigo Minotauro, dono de um currículo invejável no MMA, é um dos lutadores de maior reconhecimento em todo o mundo. Atual campeão entre os pesos pesados do UFC, a principal organização, Minota é protagonista da próxima edição do reality show de sucesso mundial, o "The Ultimate Fighter" (TUF). Para conseguir uma grande entrevista não foi fácil, devido à exaustiva rotina de gravações e treinamentos realizados nos Estados Unidos. Com a ajudo de seu treinador, Amaury Bitetti, Minotauro mais uma vez atendeu a equipe do Portal. Confira o bate-papo:

Portal das Lutas - No meio de tantos compromissos, com as gravações do programa, como estão seus treinamentos? O pessoal da sua equipe no reality show realmente te ajuda a treinar ou isso está em segundo plano?

Rodrigo Minotauro - Estou treinando bem, com uma garotada jovem, atletas bons de trocação ou de wrestling. Tem uns garotos duros de chão também e dá para treinar chão com eles. O professor Amaury Bitetti e o Daniel Valverde também estão aqui fazendo a minha parte de chão. O Amauryzinho tá aqui treinando comigo. Boto o Bitetti para rolar comigo todos os dias, saímos na porrada hoje dez minutos e depois mais dez com o Daniel. Faço o treinamento com o Al Stankie, que é o professor de boxe e o Wald também está aqui puxando a parte em pé. Os meninos todos trocam em pé também, então faço sparring com eles todas as semanas. Tô treinando cara. Treino todos os dias duas vezes e gosto disso. Treino pessoalmente com todos os garotos, então eles puxam o meu gás e eu puxo o gás deles. Eu estou ensinando, tem os outros treinadores ensinando e a gente está treinando junto com todos eles.

PDL - Você enfrentará o Frank Mir em seu próximo combate, que é o treinador da equipe adversária da sua no TUF. Com as gravações do programa, vocês devem se encontrar quase que diariamente. Como é esse convívio diferente com um próximo adversário?

RM - Isso aí me dá um estímulo maior, você poder estar vendo o cara que vai lutar direto. Então a luta já começou para mim, apesar de estar há algum tempo sem subir no ringue. Quando a gente vê o cara que vai enfrentar antes da luta, começa a bater aquela adrenalina do combate. Na verdade essa adrenalina já começou para mim agora. Tenho meses para me preparar vendo ele ali e ele constantemente me vendo treinar. É um estímulo maior. Você vê o cara que vai lutar e já entra no clima da luta. Isso para mim está sendo interessante.

PDL - Pela primeira vez no programa selecionaram um treinador brasileiro. O que está achando dessa experiência?

RM - É a primeira vez que tem um treinador de fora, que não é dos Estados Unidos e está dando aula aqui sendo "coach" do programa, na oitava edição dessa casa. É interessante, porque é um cara de fora e a competitividade entre as equipes é maior. Também é interessante para eles a metodologia, com uma técnica diferente, e os americanos gostam muito do fato de ser um peso pesado ensinando na casa. Tanto o meu time quanto o dele (Mir) são bem voltados para o jiu-jitsu. Ele é um lutador de chão também, faz bastante essa parte.

PDL - Depois de construir o primeiro grande CT do Brasil, com uma estrutura dos maiores CTs do mundo, agora você também tem uma grande academia em Miami. Como vão funcionar essas duas bases?

RM - A academia é grande para caramba, com cinco mil metros quadrados e tatame tem três mil pés, a medida que usam aqui. Acho que é um dos maiores tatames da Florida. A academia é muito boa e é lá que o Rogério (Minotouro) finaliza os treinamentos para a luta no Affliction. A academia também está boa de sparrings e de treinamentos de muay thai. A equipe inteira está indo lá treinar. A gente está fazendo metade do treinamento no Brasil e a outra metade em Miami. Temos que treinar aqui também, porque as promoções estão todas aqui. Então a gente precisava de uma base nos Estados Unidos, que está sendo em Miami agora.

PDL - Como está o Rogério Minotouro para a luta no Affliction contra o Vernon White?

RM - O Rogério está pronto para lutar há meses, está muito treinado. Não deu certo a organização do Canadá, mas acabou que agora ele está num evento maior, que vem aí com tudo. O evento vem com vários caras de nome e acho que o meu irmão se enquadrou bem ali. O Rogério está pronto, acho que vai ganhar essa luta e provavelmente com uma finalização.

PDL - E o outro membro da equipe que luta no mesmo dia, o Anderson Silva. O que acha que ele pode aprontar na categoria acima da que é campeão?

RM - O Anderson mudar de categoria já era previsto. Ele tem condições de lutar. Ele está grande e tem estatura para isso, está malhando forte, fazendo uma preparação com o Rogério Camões. Percebo ele mais forte, com uma estrutura física boa e acho que não vai ter problema nenhum não. Ele já está com uns 210 pounds, então ele na verdade já está na categoria. Só não vai precisar perder peso e vai nocautear esse cara. O ritmo que ele coloca para lutar não vão acompanhar nesse peso não. Os caras da categoria dele, que geralmente têm mais movimentação, não agüentam, então os caras de 95kg se cansarão e o Anderson vai acabar nocauteando.

PDL - Gostaria de agradecer por mais uma entrevista. Nesse um ano de existência do Portal das Lutas muitos lutadores nos deram bastante crédito e você, um top mundial, e o Amaury sempre nos ajudaram a conseguir essa credibilidade.

RM - Obrigado a vocês e parabéns por estar levando esse projeto para frente. Sei que é difícil trabalhar com a luta no Brasil, mas o esporte está crescendo. O Amaury parece até que é sócio do site, até brigou comigo (risos)! Tava resolvendo um problema aqui no telefone e o cara me fez sair! Ele sempre abre aqui em casa para me mostrar as informações e vejo que está sendo feito um trabalho muito maneiro. Parabéns.

Fonte : Portal das Lutas
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
l7
Moderadores
Moderadores


Mensagens : 806
Data de inscrição : 30/05/2008
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Entrevista com Rodrigo Minotauro   Ter Jun 24, 2008 10:23 pm

muito legal a entrevista, o minotauro é uma grande pessoa, sucesso para os minotas .

_________________
lutar é sinceridade _'' conhece a ti mesmo''
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Entrevista com Rodrigo Minotauro
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Entrevista com Alexandre Garcia
» [FOTOS] - Ka 2010 Azul Noronha 1.0 voltando a ativa - rafael rodrigo
» rodrigo baiuga
» Rodrigo Bevilaqua (Rodbb35) - Tiida Sedan 2010/2011
» almoço e festa no domingo com a famila RODRIGO X MILENA X BE

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Vale Tudo - MMA :: MMA-
Ir para: