InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Ximu finaliza argentino no “The Glory”

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
l7
Moderadores
Moderadores


Mensagens : 806
Data de inscrição : 30/05/2008
Idade : 32

MensagemAssunto: Ximu finaliza argentino no “The Glory”   Dom Jul 06, 2008 9:30 pm

GLEIDSON VENGA
De Niterói - RJ

NITERÓI (RJ), 05 de julho – A primeira edição do “The Glory” foi realizada na noite deste sábado, em Niterói, e contou com 13 combates, sendo quatro preliminares. O evento promovido por Carlão Barreto proporcionou boas lutas ao público e teve como grande destaque Gustavo Ximu, vencedor da principal luta da noite.

Ximu (Gracie Barra) enfrentou Alfonso Garate (Argentina) e foi melhor desde o início. Melhor na trocação, o brasileiro começou minando seu adversário com fortes chutes na perna. Ao tentar derrubar, Garate acabou ficando por baixo e foi montado por Ximu, que por pouco não definiu a disputa. No segundo round, Ximu continuou soltando bons low-kicks, e foi novamente superior no solo, quando tentou um ataque ao braço e, em seguida, partiu para sua especialidade, a chave de calcanhar. Usando sapatilhas de Wrestling, o argentino não conseguiu escapar e acabou finalizado aos 3m45s. “Essa é uma das minhas posições favoritas, quando eu encaixei o golpe sabia que ele não iria escapar”, vibrou Ximu.

Julian Jabá (RFT) fez um combate disputado contra André Minhoca (Top Brothers), com bons momentos de trocação e de luta no solo. Mais experiente, Jabá levava ligeira vantagem e aproveitou uma guilhotina bem encaixada para finalizar seu adversário aos 4m43s do segundo round. “Foi a primeira vitória por finalização da minha carreira”, comemorou Jabá.

Ex-companheiros de equipe, Amilcar Alves (Nova União) e Diego Braga (Gracie Fusion) protagonizaram um dos melhores combates da noite. Melhor na parte em pé, Amilcar se defendia bem das investidas de Braga e foi melhor no combate, quase chegando ao nocaute com duas boas joelhadas. Após três rounds, os jurados decretaram a vitória unânime de Amilcar.

Outro grande destaque do evento foi Felipe Mongo (Clube da Luta). O aluno de Alexandre Pequeno desde o início tomou mais iniciativa contra Fabio Issa (Nova União), conectando bons golpes. Ainda em pé, durante um clinche, Mongo encaixou um kata-gatame e levou seu adversário para o chão, sem soltar a posição, finalizando aos 3m15s do primeiro round.

Aloisio Dado (Gracie Barra) usou seu melhor Muay Thai para abrir vantagem no combate contra Bruno Machado (Caverna Team). Com bons low-kicks, Dado foi mais agressivo durante toda a luta, só quase sendo surpreendido no segundo round, quando Machado pegou suas costas e passou alguns minutos tentando finalizá-lo. Dado escapou e seguiu buscando a luta, vencendo na decisão dos jurados.

O experiente Johnny Eduardo (Boxe Thai ) provou que não é bom só de Muay Thai. O lutador, que vinha de um impressionante nocaute no Jungle Fight, desta vez acabou sendo derrubado por Cristiano Bananada (BTT), mas aplicou um belo armlock e finalizou seu oponente com 1m29s de luta.

O chão apurado de Marcelo Nigue (Gracie Humaitá) foi decisivo no combate contra Leandro Reis (BPT). Nigue foi logo derrubando, passando a guarda e montando, sem dar espaços a Leandro. Nos rounds seguintes, Nigue seguiu dominando, porém encontrou mais dificuldades. Mesmo assim acabou levando a vitória na decisão dos jurados.

Maicon Alarcão (Minotauro Team) tomou mais iniciativa no início do combate contra Eliene Pit (FFT). No entanto, ainda no primeiro round, Alarcão já parecia cansado. O equilíbrio parecia tomar conta da luta, até Pit acertar uma joelhada na cabeça de Alarcão em quatro apoios, proibida pela regra. Ao demorar muito pra voltar, Alarcão foi muito vaiado pela torcida e a partir daí não se encontrou mais na luta. Pit então voltou mais agressivo, encaixou bons golpes em seu adversário, que sentiu, sendo bombardeado por socos na guarda até a interrupção do árbitro, aos 3m23s do terceiro round.

Flavio Serafim (Fight Co) abriu o evento contra Danilo Noronha (RFT) e parecia que decidiria rápido o combate, ao levar pro chão e alcançar boas posições. Noronha, porém, escapou e acabou pegando Serafim com uma guilhotina aos 2m53s do primeiro round.

Nas preliminares, Ralf Lauren (RFT) venceu Vitor Santos (Nova União) na decisão dos jurados, e Eduardo Rodrigues (RFT) venceu João Machado (Paulão Filho Team) por nocaute técnico no primeiro round.

Fique ligado no Portal do Vale Tudo e veja logo mais uma galeria de fotos exclusiva do evento.

_________________
lutar é sinceridade _'' conhece a ti mesmo''
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ali
Usuário Heavyweight
Usuário Heavyweight


Mensagens : 226
Data de inscrição : 27/06/2008

MensagemAssunto: Re: Ximu finaliza argentino no “The Glory”   Qui Jul 10, 2008 9:04 pm

Bom evento.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Ximu finaliza argentino no “The Glory”
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Podengos cruzados de dogo argentino
» New Fiesta Hermano
» PIT BULL caçador
» Apresentação do "Nach Buggy Boogie", o buggy argentino.
» BUGGY ARGENTINO FIAT 147 VIVACE.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Vale Tudo - MMA :: MMA-
Ir para: